Ir para o menu de navegação principal Ir para o conteúdo principal Ir para o rodapé

Artigos

v. 16 n. 2 (2021): AGOSTO 2021

Identificação de impactos à saúde humana e ao meio ambiente no processo de blendagem de resíduos para coprocessamento

Enviado
março 20, 2021
Publicado
2021-08-30

Resumo

A blendagem é uma atividade destinada ao tratamento e preparação dos resíduos em forma de blends que são destinados ao coprocessamento em indústrias de cimento. O objetivo deste estudo foi identificar os impactos gerados nas diversas etapas de blendagem. Através Avaliação do Ciclo de Vida, estimaram-se os impactos num perfil de produção média de 30.650 t/ano de blends. A abordagem da fronteira de sistema foi a do “portão ao portão” e a unidade funcional 1 t de blends. As metodologias de avaliação do impacto empregadas foram ReCiPe e Impact 2002+. Os resultados apontam que, pelo método ReCiPe, a Toxicidade Humana foi responsável por 53% do impacto total, ocasionada pela emissão de metais como selênio, manganês, arsênico e bário. Pelo método Impact 2002+, Inaláveis Inorgânicos obtiveram o maior impacto total (51,8%) ocasionado principalmente pelos óxidos de nitrogênio. Conclui-se que a blendagem tem maior impacto à saúde humana, principalmente à saúde dos trabalhadores, que sofrem com a maior exposição. Recomenda-se a reavaliação da atividade pelos órgãos de controle ambiental e do trabalho, priorizando estudos de automação dos processos, estudos epidemiológicos, e a continuidade da investigação dos impactos da queima dos blends nos fornos de clínquer em abordagem do “berço ao portão”.

Downloads

Não há dados estatísticos.